December 19, 2018

2.4.1 Aumento da obesidade

De entre os 19 Estados Membros para os quais existem dados disponíveis de 2008, a proporção de pessoas com excesso de peso e obesidade na população adulta variou em 2008/09 entre 36,9% e 56,7% nas mulheres e entre 51% e 6,3% nos homens.

  • Implicações para o sector dos ovos? –
     

    • Opportunidade para destacar os ovos como um alimento saudável e nutritivo  com baixo teor de gordura…
    • Uma investigação realizada por Leatherhead Food Research publicada em Maio de 2011, no The International Journal of Food Sciences and Nutrition mostrou que comer ovos ao almoço pode ser a chave para evitar snacks. O estudo demonstrou que um almoço à base de ovo pode prolongar a sensação de saciedade por mais tempo quando comparado com outros almoços comuns com valores calóricos semelhantes. Os autores concluíram que “o consumo de ovos ao almoço tem um efeito sobre a saciedade mais forte do que os outros almoços normalmente consumidos, baseados em hidratos de carbono, e pode representar um componente benéfico de uma dieta que vise controlar o peso.”
    • Anteriores estudos realizados por investigadores norte-americanos têm demonstrado que comer ovos ao pequeno-almoço tem um forte impacto na saciedade – a sensação de estar satisfeito após as refeições – mas esta é a primeira peça importante da investigação sobre os benefícios de comer ovos ao almoço no Reino Unido.
    • Dr Carrie Ruxton, nutricionista independente e especialista em obesidade, comentou: “Esta investigação é uma boa notícia para os que procuram ser elegantes. Estudos anteriores já haviam demonstrado que comer ovos ao pequeno almoço podem aumentar a saciedade e ajudar na perda de peso, mas muitas pessoas não têm tempo para cozinhar um pequeno-almoço. Agora, parece que comer ovos ao almoço tem um efeito semelhante no controlo do apetite.”
    • “Agora que as principais organizações de saúde coronária removeram os limites anteriores ao consumo de ovos, devido a uma investigação que demonstrou que o colesterol dietético não é um problema para a saúde coronária, há mais razões do que nunca para comer ovos, como parte de uma dieta saudável.”

Investigação EUROSTAT 2008

http://epp.eurostat.ec.europa.eu/statistics_explained/index.php/Overweight_and_obesity_-_BMI_statistics

 

Excesso de peso e obesidade – homens   (% da população total)

  Com excesso de peso Obesos total
Bélgica 40.8 13.3 54.1
Bulgária 46.3 11.6 57.9
República Checa 47.1 18.4 65.5
Alemanha 44.0 16.1 60.1
Estónia 38.9 16.0 54.9
Grécia 46.6 17.6 64.2
Espanha 45.5 17.0 62.5
França 39.3 11.7 51.0
Itália 45.2 11.3 56.5
Chipre 44.5 16.7 61.2
Letónia 44.5 12.0 56.5
Hungria 39.3 21.4 60.7
Malta 44.6 24.7 69.3
Áustria 44.0 12.4 56.4
Polónia 46.2 17.3 63.5
Roménia 49.9 7.6 57.5
Eslovénia 48.9 17.3 66.2
Eslováquia 44.5 14.5 59.0
Reino Unido 43.7 22.1 65.8

Excesso de peso e obesidade – mulheres   (% da população total)

 

 

  Com excesso de peso Obesos total
Bélgica 14.7 26.6 41.3
Bulgária 11.3 32.7 44.0
República Checa 18.3 29.8 48.1
Alemanha 15.6 28.8 44.4
Estónia 20.5 27.0 47.5
Grécia 17.6 30.7 48.3
Espanha 14.4 28.7 43.1
França 12.7 24.2 36.9
Itália 9.3 27.7 37.0
Chipre 14.5 27.1 41.6
Letónia 20.9 32.5 53.4
Hungria 18.8 30.8 49.6
Malta 21.1 29.4 50.5
Áustria 13.2 29.3 42.5
Polónia 15.8 30.1 45.9
Roménia 8.0 35.9 43.9
Eslovénia 16.3 30.7 47.0
Eslováquia 15.7 27.2 42.9
Reino Unido 23.9 32.8 56.7