December 19, 2018

Acerca dos Parceiros

O CICEI enquanto parceria, oferece a sua experiência na formação, marketing e outros temas relacionados com a indústria do ovo. A força do CICEI não reside apenas na sua abordagem inovadora para a requalificação das PMEs do sector dos ovos, mas também na diversidade e experiência dos sete principais parceiros e do parceiro associado do projecto, que representam 1 Organização Europeia Representativa da Indústria; 2 Associações Nacionais do Ovo; 2 Centros de Incubação de Empresas especializados em inovação alimentar e em formação; 1 experiente fornecedor de educação e formação às PMEs; 1 grande empresa fornecedora de ovos e 1 PME especializada em ensino online, provenientes de cinco países da UE com indústrias do ovo significativas. Cada parceiro foi seleccionado pela sua especialização na educação e formação bem como pela sua experiência de trabalho com o mercado alvo.

A nossa ferramenta proporcionará materiais informativos/formativos para as empresas quer novas, quer já existentes, do sector do ovo, consolidando os recursos actualmente disponíveis num sistema de fácil acesso.

Business Development Friesland (BDF) é o organismo que lidera o projecto CICEI.

  • Business Development Friesland (BDF) é uma fundação sem fins lucrativos posicionada dentro do triângulo PMEs, institutos de conhecimento e organismos governamentais, tanto a nível local como europeu. O BDF inicia e participa em projectos destinados ao desenvolvimento e transferência de conhecimento. Sediado no norte dos Países Baixos, o BDF possui uma forte ligação com o sector agro-alimentar, o principal sector na região. O BDF desenvolveu e realizou o projecto ATLAS, um projecto de inovação na exportação para 25 PMEs agro-alimentares. O BDF constituiu uma rede de especialistas na Europa Central e de Leste criando um trampolim para aumentar o intercâmbio de conhecimentos entre PMEs agro-alimentares holandesas e suas homólogas estrangeiras. O BDF é um membro chave da EBN, European Business Innovation Centre Network.
  • INPROVO é a organização que une as associações empregadoras na cadeia de valor do ovo em Espanha. Associações Membro: criadores de galinhas poedeiras (CEAS),  produtores e embaladores de ovos (ASEPRHU), cooperativas agro-alimentares (CCAE), fabricantes de ovoprodutos (INOVO), e duas associações de agricultores (ASAJA e UPA). Objectivos: Melhorar a qualidade do ovo, proteger o meio ambiente, informação e promoção do ovo, fomentar a investigação sobre o ovo e os ovoprodutos, transparência e eficácia do mercado, satisfazer as exigências dos consumidores.
  • A INPROVO desenvolveu materiais para a formação da indústria do ovo em Espanha: Guia de Boas Práticas de Higiene (GBPH) em quintas de reprodutoras e poedeiras, GBPH na Indústria de Ovoprodutos, Guia de Implementação (GI) das Melhores Técnicas Disponíveis em quintas avícolas, GI do Sistema HACCP nos centros de classificação e embalagem de ovos, GI de Rotulagem e Comercialização do ovo, GI de Rastreabilidade na Cadeia do Ovo, DVD sobre a produção de ovos desde a exploração agrícola até à mesa, GBPH na utilização de ovos (segurança alimentar).
  • Momentum Marketing Services é uma agência dinâmica com ampla experiência no sector agro-alimentar com sede na Irlanda. Como organização de formação é certificada pela FETAC e FÁS, sendo respeitada na sua oferta de formação, tutoria e serviços de consultoria em marketing, vendas, marca, criação de ideias e pensamento criativo, desenvolvimento do produto, inovação e redes de contactos. O pessoal interno realiza a maior parte do trabalho apoiado, quando necessário, por especialistas que contribuem com a sua experiência. MMS forma, anualmente, mais de 200 empresas, possuindo experiência específica na formação de mais de 50 empresas do sector do ovo e mais de 300 trabalhadores por ano.
  • A MMS trabalhou conjuntamente com a Associação Irlandesa do Ovo e esteve envolvida no desenvolvimento e na implementação de uma rede de formação dedicada às necessidades do sector do ovo na Irlanda (A Cadeia de Valor do Ovo Irlandesa Skillnet), nomeadamente na definição e na disponibilização de oferta formativa, concretamente na relacionada com este projecto.
  • BIC Beira Atlantic is a non-profit regional association based in Portugal established in 2002 with the main focus on activities related to regional development, innovation, incubation and entrepreneurship.  BIC Beira Atlantic promotes incubation, helping individual entrepreneurs in their constantly researching process, technological start-up’s, spin-off’s, and other innovating SME’s; providing support and improving access to the capital, financing funding and capital supply.
  • BIC Minho (Minho’s Business Innovation Centre) is a non-profit organization from the Portuguese Region of Minho whose mission is the promotion of entrepreneurship and business innovation through:
  • Awareness towards entrepreneurship and business inovation
  • Technical support for the creation of innovative SMEs
  • Technical support for the innovation and modernization of SMEs
  • Training in relevant areas for companies and entrepreneurs
  • Promotion of business and institutional cooperation
  • Participation in the Association of Portuguese BICs and in the EBN – European Business Innovation Centre Network.

BIC Minho is also a business incubation center, providing infrastructures and services to assist potential entrepreneurs and existing SMEs in the process of modernization, in Braga and in Viana do Castelo.

BIC Minho is a training institution certified by DGERT, with extensive experience in the training of managers and employees of companies from several sectors of activity.

BIC Minho has been involved in several projects aimed at developing the agri-food sector, particularly in the areas of promotion of technology and services for the internationalization of SMEs.

 

O BIC Minho (Business Innovation Centre do Minho) é uma entidade sem fins lucrativos da Região Portuguesa do Minho que tem por missão a promoção do empreendedorismo e da inovação empresarial através de:

  • Sensibilização para o Empreendedorismo e para a Inovação Empresarial
  • Apoio técnico à criação de PMEs inovadoras
  • Apoio técnico à Inovação e Modernização Empresarial
  • Formação profissional em áreas relevantes para as empresas e empreendedores
  • Promoção da cooperação empresarial e institucional
  • Participação na Associação dos BICs Portugueses e na EBN – European Business Innovation Centre Network.

 

O BIC Minho funciona ainda como centro de incubação de empresas, dispondo de infra-estruturas e serviços para apoiar os potenciais empreendedores  e PMEs existentes em fase de modernização, em Braga e Viana do Castelo.

O BIC Minho é uma entidade formadora certificada pela DGERT com ampla experiência na formação profissional de dirigentes e trabalhadores de empresas de vários sectores de atividade.

O BIC Minho tem participado em diversos projetos dirigidos ao desenvolvimento do sector agroalimentar, nomeadamente nas áreas da promoção de tecnologia e de serviços para a internacionalização das PMEs.

  • Canice Consulting é uma empresa de consultoria internacional que opera nas áreas de desenvolvimento local e regional, desenvolvimento das empresas e do emprego, e gestão e apoio técnico às redes e aos programas da UE. Operando a partir de Lisburn na Irlanda do Norte, Reino Unido, a sua equipa conhece aprofundadamente as políticas e programas da UE e tem uma experiência considerável de trabalho na Irlanda do Norte, noutras regiões do Reino Unido e noutros países da UE  Com ampla experiência na concepção de programas de formação, gestão de projectos e desenvolvimento de PMEs, esta empresa especializou-se no desenvolvimento da formação online e na optimização de motores de pesquisa. Como tal, a empresa é ideal para a transferência e adaptação de materiais de formação, bem como para assegurar uma excelente visibilidade e posicionamento da página, o que facilita o retorno apropriado para as pesquisas sobre formação em padrões de qualidade alimentar e termos relacionados.
  • Frisian Egg é um dos principais operadores no mercado holandês do ovo. Semanalmente, entrega mais de 9 milhões de ovos a diversos canais de venda.
  • Frisian Egg desenvolveu um sistema de detecção exclusivo e totalmente informatizado, especialmente concebido para a selecção de ovos assegurando a máxima qualidade e eficiência. Ao combinar duas áreas distintas na mesma empresa, a venda de ovos de mesa/em casca e ovoprodutos pasteurizados, a Frisian Egg oferece aos seus clientes um valor acrescentado único.

A EEPTA (ovos de casca) visa proteger e defender os direitos, funções comerciais e interesses profissionais dos seus membros. A EEPTA esforça-se por alcançar este objectivo através:

  • do fortalecimento da cooperação entre os membros e da manutenção de contactos com outras organizações profissionais
  • do estudo dos problemas profissionais comuns a fim de alcançar soluções comuns
  • da representação dos interesses dos membros perante as autoridades e instituições, nomeadamente, com a União Europeia

A EEPTA representa os interesses dos embaladores e distribuidores de ovo na União Europeia. Os seus membros são as associações comerciais que representam os interesses da indústria do ovo nos diferentes Estados Membros.

A EEPTA irá procurar disseminar os resultados da investigação entre as organizações que são seus membros e bem como na indústria do ovo da UE a nível mais amplo. Tal será conseguido com a colaboração dos profissionais e membros da indústria do ovo da UE.

  • Productschap Pluimvee en Eieren (PPE) é um parceiro associado do projecto. A indústria agrícola holandesa possui um sistema único de representação, pois para além das organizações de direito privado para cada grupo profissional, existem também organizações de direito público de carácter vertical. Estas são as organizações por tipo de produto.

Existem duas organizações para os sectores da pecuária, da carne e dos ovos:

  • a Organização da Pecuária e da Carne,
  • a Organização do Frango e dos Ovos (PPE),

Elas operam efectivamente como plataformas de consulta para empresários e sindicatos de trabalhadores.

A PPE desempenha um papel importante na parte de valorização do projecto (fases posteriores do projecto). A PPE representa unicamente os interesses das organizações de empregadores e organizações sindicais do sector. Este aspecto encaixa bem no projecto, uma vez que ambos os grupos (empresas e trabalhadores) ganham com a aquisição de conhecimentos através dos programas de formação específicos para o sector. Durante a vida útil do projecto, a PPE irá acompanhar de perto a qualidade dos materiais de formação a desenvolver e assegurar a sua utilização prática por um vasto público no sector do ovo. Por fim, a PPE irá comunicar activamente os resultados do projecto e irá estimular a sua implementação através dos seus diferentes canais.